EVENTOS INOVADORES: 3 fundamentos das plataformas de conteúdo

Transformação Digital para seus Eventos: 3 fundamentos

Na maioria das vezes que perguntamos para organizadores de eventos ‘qual o seu maior desafio’, a resposta costuma ser: Entregar uma experiência realmente relevante para meus clientes de forma que eles vejam valor em participar do evento.

Assim, vemos que 3 fatores são fundamentais para o enfrentamento deste desafio:

  1. Entregar experiências realmente engajadoras e marcantes
  2. Utilizar ferramentas que permitam com que as pessoas se apropriem facilmente do conteúdo do evento
  3. Potencializar colaboração e conexões significativas que gerem negócios, resultados!

No vídeo abaixo, estes e outros fatores dos organizadores de eventos são mostrados e parecem muito óbvios para nós que estamos vivendo a transformação digital e mobile da sociedade. O “como” é que parece ser o segredo. Veja o vídeo…

 

Apesar de que ter um app do evento está se tornando obrigatório, as pessoas demandam mais. Chegou a era das plataformas de conteúdos e relacionamento!

Quando falamos dos eventos, tanto os gigantes (conferências, congressos, shows etc.), quanto os internos das empresas (um treinamento, por exemplo) a ideia é engajar o público, entregando conteúdo a partir do poder da conectividade e da mobilidade. E isso tem que fazer muita diferença para as pessoas.

A pergunta que não quer calar: a solução mobile que você entrega no seu evento hoje faz muita diferença na vida dos seus clientes?

Potencializar a experiência de um visitante não é colocar somente um app que diz basicamente a programação do evento e quem são os patrocinadores. O mundo evoluiu! As pessoas querem e precisam de mais!

Além disso, os apps de eventos estão se tornaram um item must-have (obrigatório) na composição da experiência completa dos participantes e sabemos que muitos eventos no Brasil nem isso oferecem ainda. Ocorre que as pessoas já estão com suas demandas em outro patamar, necessitando de novas formas de engajamento com as marcas. As empresas que contratam ou organizam eventos devem observar cuidadosamente essa realidade: as pessoas querem experiência, conteúdo e relacionamento!

Criando conexões através de conteúdo!

Na prática, ao invés de ficar gerando um app para cada edição do evento, a nova tendência, inclusive sinalizada pelas novas normas de publicação de aplicativos da Apple , é  criar uma plataforma única para todos os anos e todos os eventos. Uma plataforma da marca do evento ou da empresa. O Midiacode já nasceu com essa lógica, pensando em como tornar a vida do usuário final e do organizador de evento mais fácil, mantendo a conexão entre as duas pontas no longo prazo.

E outra tendência nítida nos dias atuais é a de criar uma solução que entrega conteúdo útil para os clientes, de forma que, pela qualidade, conveniência e disponibilidade do conteúdo, diminua-se muito a vontade deles em desinstalar o aplicativo do seu smartphone, de desconectar com aquele evento que participaram.

O fato de alimentar os participantes ao longo do ano com conteúdos relevantes e de fácil acesso para serem lidos quando quiserem, além da chance de desinstalarem o app reduzir e muito, estabelece um ponto de contato entre o cliente e a marca, criando conexões relevantes que promovem a fidelização. Veja exemplo disso no evento Connected Smart Cities, neste link.

O Midiacode promove essas conexões mobile com outras vantagens decisivas para que a relação da sua marca com o seu cliente final seja selada e sacramentada. Veja mais detalhes.

Entender o mundo mobile e as oportunidades que se abrem com ele é tão fundamental, hoje em dia, quanto ter presença digital na web. Para o universo dos eventos, entender o mobile é crucial!

Mas, de que revolução (mobile) seu evento está participando? Ou melhor, surfando?

Entender a fundo o que está realmente acontecendo é muito importante para que empresas possam visualizar as oportunidades e não perder o bonde da história. O Google lançou num evento o vídeo Mobile Day há dois anos, dando uma geral sobre as transformações que os smartphones já traziam para a sociedade naquele tempo. Se você não assistiu, veja abaixo, vale a pena!

 

 

Eles começam esse vídeo dizendo que o mobile “está” se tornando a primeira tela das pessoas. Hoje isso é unânime: mobile é a primeira tela de uma grande maioria das as pessoas. Na época do vídeo, agosto de 2015, parecia uma visão muito entusiasmada e romântica a respeito do uso do Mobile. Mas as pesquisas oficiais mostram que não. Segundo o IBGE, na última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD), o celular se consolidou como o principal meio de acesso à Internet no Brasil.

Essa pesquisa do IBGE só reafirma a verdade de que a revolução Mobile realmente chegou absurdamente em nossas vidas, tanto profissional, quanto pessoal. Mas muitas empresas ainda estão somente no mundo web (sites, blogs, mailings e inbound) e negligenciam o Mobile. Olha em sua volta agora. Todo mundo está super conectado em seus smartphones e esse é um grande desafio para as empresas.

Algumas acham que somente criar um site responsivo é suficiente. No entanto, existem experiências muito mais engajadoras a serem entregues nos smartphones dos clientes.

Os clientes querem e as empresas precisam desse engajamento!

Gostou do post? Capture-o com o código abaixo, estude-o quando quiser e compartilhe facilmente.

QR Code 1